Início  •  2014  •  2016

Christoph Türcke no Brasil

- 2010 -

* O Prof. Christoph Türcke

* Entrevistas e resenhas

* Lançamento de livros

* Programação

* O Prof. Christoph Türcke

"Christoph Türcke é professor de filosofia da Hochschule für Grafik und Buchkunst em Leipzig. Tendo já colaborado para revista Spiegel e Merkur, autor de mais de quinze livros, sua obra é uma das mais singulares renovações atuais da Teoria Crítica na Alemanha. Dos livros traduzidos no Brasil, além de O louco: Nietzsche e a mania da razão (Vozes, 1993), estão sendo lançados Sociedade excitada: Filosofia da sensação, pela editora Unicamp e Filosofia do sonho, pela Unijuí. A produção atual, que inclui os dois últimos livros, levou-o ao prêmio Sigmund-Freud-Kulturpreis em 2009 da Die Deutsche Psychoanalytische Vereinigung (DPV) e Deutsche Psychoanalytische Gesellschaft (DPG). Em setembro o professor dará aulas e conferências em Porto Alegre, São Paulo, Rio de Janeiro e Belém a convite do Instituto Goethe, Unicamp, UERJ e UFRuralRJ."

Eduardo Guerreiro B. Losso

* Entrevistas e resenhas

- Jornal O Globo, resenha por Alberto Pucheu    (PDF)

- Revista Cult nº 151, entrevista por Eduardo Guerreiro B. Losso (p.36)   (PDF)

- Jornal da UNICAMP, entrevista por Álvaro Kassab   (SITE DA UNICAMP)

- JB Digital, resenha e entrevista por Eduardo Guerreiro B. Losso   (PDF)

- Jornal O Globo, Francisco Bosco cita Christoph Türcke em sua coluna semanal   (PDF)

- Folha de São Paulo, entrevista por Marcos F. Peres   (PDF)   (SITE DA FOLHA)

- Portal Ciência e Vida, entrevista por Juan Velasquez    (SITE DO PORTAL)

- Calígrafo, resenha e entrevista por Eduardo Guerreiro B. Losso    (PDF)

- Revista.doc 5, entrevista por Eduardo Guerreiro B. Losso    (PDF)

 

* Lançamento de livros

Em sua passagem pelo Brasil, o Prof. Türcke lança as traduções brasileiras dos seus dois últimos livros já consagrados na Europa Sociedade excitada: filosofia da sensação e Filosofia do sonho , que levaram-no ao prêmio Sigmund-Freud-Kulturpreis em 2009 da Die Deutsche Psychoanalytische Vereinigung (DPV) e Deutsche Psychoanalytische Gesellschaft (DPG).

Sociedade excitada: filosofia da sensação
Trad. Antonio A. S. Zuin, Fabio A. Durão, Francisco C. Fontanella e Mario Frungillo
Editora UNICAMP

Sensação significou originariamente nada mais do que “percepção”. Hoje, associa-se à sensação tudo o que atrai magneticamente a percepção: o espetacular. Aquilo que não é capaz de chamar a atenção quase não é percebido. Esse est percipi — Ser é ser percebido. Christoph Türcke acompanha, em sua obra seminal, a transformação da sensação em uma forma de intuição do ser humano moderno, num padrão de comportamento, num foco de uma sociedade inteira. Ele reconstrói a história do significado do conceito de sensação e com ela a transformação do mundo moderno numa sociedade excitada, na qual choques audiovisuais são aplicados como injeções e a sensação avança para ser a medida da percepção e da ação. A filosofia da sensação de Türcke é uma contribuição central para a teoria da sociedade de hoje.

Filosofia do Sonho
Trad. Paulo Rudi Schneider
Editora Unijuí

A profunda análise filosófica que esse livro empreende refere-se a um fenômeno que nós todos conhecemos. Os seus inícios estendem-se pelo menos até a era do paleolítico e já na Antiguidade ele teve um tratamento especializado, mas apenas no século 20 foi submetido a padrões científicos: o sonho. Nós sonhamos quando paramos de pensar e, mesmo assim, o sonho não é sem pensamento. Ele revela um pensamento abaixo do pensamento. A sua forma de mídia massificada, voltada para o exterior, é o filme que coopta o observador para uma espécie de vida de sonho acordado. O próprio sonho, entretanto, é a essência da interioridade. Somente quem está ensimesmado pode sonhar.
Há, porém, um momento histórico em que essas oposições se tangenciaram de modo explosivo. Em 1895 foram mostrados os primeiros filmes em Paris. Em Viena, no entanto, no dia 24 de julho de 1895 "revelou-se ao Dr. Sigmund Freud o segredo do sonho", como o próprio "revelador" posteriormente por carta admitiu. Que coincidência na véspera do século 20! Para Christoph Türcke ela se torna o ponto de partida para uma arqueologia mental filosófica. Ela fareja no sonho os processos primários do pensar, até mesmo a formação total da cultura, os quais estão ameaçados cada vez mais pelo canhoneio de sensações da mídia de massa. A análise do sonho de Türcke leva ao fundo até a vida impulsiva, derivando daí as duas forças fundamentais humanas - a força da imaginação e a linguagem - de tal modo que se abrem perspectivas completamente novas no limite entre Filosofia e Psicanálise.

* Programação

Porto Alegre - RS

Dia 08/09, no Goethe-Institut Porto Alegre: Palestra e debate com Prof. Dr. Christoph Türcke
http://www.goethe.de/ins/br/poa/ver/pt6393171v.htm

São Paulo - SP

Conferência de Christoph Türcke seguida de debate com Eduardo Guerreiro B. Losso (UFRuralRJ) e Oswaldo Giacóia Júnior (Unicamp)
Dia 09/09, no Goethe-Institut São Paulo
http://www.goethe.de/ins/br/sap/pt6413570v.htm

Conferência "Fundamentalismo e vício", no VII Congresso Internacional de Teoria Crítica: Natureza, sociedade: crise.
Dia 16/09, na Unicamp
http://www.iel.unicamp.br/teoriacritica/index.html

Rio de Janeiro - RJ

Conferência de Christoph Türcke seguida de debate com Eduardo Guerreiro B. Losso (UFRuralRJ) e moderação de Carlinda Nuñez (UERJ).
Dia 21/09/2010 (terça), às 14:00h - UERJ, Salão Nobre, bloco F, Instituto de Letras – 11º Andar.

Lançamento do livro Sociedade excitada: filosofia da sensação, de Christoph Türcke(Trad. Antonio A. S. Zuin, Fabio A. Durão, Francisco C. Fontanella e Mario Frungillo).
Dia 21/09 (terça), 18:00 - Livraria da Travessa I - Travessa do Ouvidor, 17, Centro RJ

Conferência de Christoph Türcke seguida de debate com Eduardo Guerreiro B. Losso (UFRuralRJ) e Pedro Hussak (UFRuralRJ)
Dia 22/09 (quarta), de 10 às 12h - UFRuralRJ - Campus Seropédica, Salão Azul.

Belém - PA

Dia 23/09

Início  •  2014  •  2016